Polícia tenta identificar corpos carbonizados em carro na BR-262

Polícia tenta identificar corpos carbonizados em carro na BR-262

COMPARTILHAR
Carro, corpos e armas destruídos. Imagem ilustrativa.

A Polícia Civil de Miranda tenta definir a identificação de dois corpos carbonizados encontrados pela Polícia Rodoviária Federal na madrugada desta quinta-feira (14), dentro de um Fiat Uno às margens da BR-262. A princípio a polícia suspeita tratar-se de casal morador em uma chácara localizada na região onde carro com os corpos foi encontrado.

Durante patrulhamento policiais rodoviários federais avistaram o Fiat Uno incendiado e avisaram a Polícia Civil. Durante trabalho de perícia no veículo ainda no local, foi constatada a existência das pessoas carbonizadas como se estivessem normalmente sentadas na posição do motorista e de passageiro sendo também encontradas duas armas destruídas em meio aos escombros.

Encarregado do caso, o delegado Pedro Henrique P. Cunha, encontra-se em Aquidauana acompanhando trabalho dos peritos e legistas na tentativa de identificação do que restou dos corpos além de tentar apurar se há perfuração de bala.

Averiguando a identificação do Fiat Uno, os policiais apuraram que está cadastrado em nome de Jeimerson Galdino da Silva. Em contato com familiares, estes afirmaram desconhecer o paradeiro dele e a esposa, Emiliane P. Martins de Menezes além do que, a residência deles está fechada.