Policial rodoviário federal atropelado em Sidrolândia, morre na Santa Casa

Policial rodoviário federal atropelado em Sidrolândia, morre na Santa Casa

COMPARTILHAR

Morreu no final da noite desta quinta-feira na Santa Casa de Campo Grande, o policial rodoviário federal Vladimir Benedito Struck, de 45 anos. O PRF morreu vítima de múltiplas fraturas e lesões, ao ser atropelado pela caminhonete F-1000 de placas HRF-8410/MS, conduzida por Airton Ribas, de 73 anos.

O atropelamento seguido de morte ocorreu pouco depois de 21h, durante uma ação da PRF – Polícia Rodoviária Federal – na noite de ontem (9) na região da rotatória entre a BR-060 rodovia MS-258, entre Sidrolândia e o distrito de Capão Seco.

Struck sofreu ferimentos múltiplos pelo corpo, foi levado às pressas para o hospital de Sidrolândia, sendo imediatamente entubado e transferido para a Santa Casa de Campo Grande. Após algum tempo e várias paradas cardíacas, Struck não resistiu aos ferimentos e morreu. O policial era casado e deixa esposa e filha.

Além de pré-candidato a prefeito de Sidrolândia pelo Patriota, nas últimas eleições Struck ficou em 3º colocado entre os candidatos a deputado estadual, naquele município. Ele já chefiou o núcleo de ética e disciplina da PRF e também fundou a delegacia da Polícia Rodoviária Federal de Jardim. A Superintendência da PRF no Estado, ainda não divulgou local de velório e sepultamento do agente.