População da fronteira cobra homenagem a policial que salvou estudante de ladrões

População da fronteira cobra homenagem a policial que salvou estudante de ladrões

COMPARTILHAR
"Gordinho da moro azul" - esquerda - já era conhecido por roubos e, Pedro Juan e Ponta Porã.

Através das redes sociais a população da fronteira Brasil/Paraguai, pede que as autoridades de segurança pública de Mato Grosso do Sul, promovam justa homenagem ao Policial Militar que no começo da tarde da última sexta feira (12), mesmo estando de folga saiu em defesa de uma vítima de assalto a mão armada. Ao perceber que uma estudante era atacada por dois marginais, gritou se identificando como policial e dando voz de parada aos indivíduos que não obedeceram, reagiram, mas foram prontamente abatidos.

A dupla foi identificada como sendo os paraguaios, Ruben Dario Cuevas Ortiz (22) e Fabio Bernal, de 23 anos. Em seguida, as polícias do Brasil e do Paraguai, identificaram que os indivíduos eram responsáveis por vários assaltos em Pedro Juan Caballero e Ponta Porã, sempre agindo com violência. O condutor da moto e mais perigoso da dupla, já era conhecido na fronteira como “Gordinho da moto”.

De acordo com o site Porãnews, a população iniciou um movimento nas redes sociais a fim de que o policial receba homenagem na Câmara de Vereadores de Ponta Porã e na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul.

O movimento inclusive deve ganhar as ruas nos próximos dias caso as autoridades continuem sem dar importância a policiais que cumprem seu dever e defendem a sociedade mesmo estando em período de folga, férias ou até licença médica como já aconteceu.