Preso pelo BPChoque da PM, vizinho assassino de Carla teve prisão decretada...

Preso pelo BPChoque da PM, vizinho assassino de Carla teve prisão decretada pela justiça

COMPARTILHAR
Carla foi sequestrada na porta de casa.

A Polícia Civil deve apresentar esta manhã detalhes sobre a investigação que levou a prisão de Marcos André Vilalba Carvalho, assassino confesso de Carla Santana Magalhães (25), sequestrada na porta de casa no Bairro Tiradentes e dias depois assassinada e o cadáver jogado nas proximidades da residência. O criminoso foi preso ontem em Campo Grande por policiais do Batalhão de Choque da Polícia Militar.

Desde o registro do desaparecimento e, posteriormente assassinato de Carla, equipes de Inteligência e Operações do BPChoque buscavam informações sobre a possível autoria do crime. Os policiais receberam informação anônima indicando indivíduo de 21 anos, do próprio bairro Tiradentes, como provável envolvido no crime.

A equipe intensificou patrulhamento na área até em dado momento policiais avistaram um elemento, até então suspeito, no portão de casa e que ao notar o carro da polícia tentou correr sendo abordado. Durante vistoria na casa dele os policiais encontraram um lençol sujo de sangue, marcas de sangue pelo local e ainda um pano sujo e um dos bolsos.

Sem saída e em meio a contradições, o indivíduo confessou o crime, Carla pode ter sido morta na casa e o corpo mantido no local até a “desova” onde foi localizado. A princípio o assassino confesso descarta relacionamento com a vítima, mas a motivação para o crime deve ser revelada esta manhã pelo delegado Carlos Delano, da Delegacia de Homicídio e o comandante do Batalhão de Choque detalharão a investigação e captura do criminoso já com prisão decretada pela Justiça.

Lençol com marcas de sangue apreendido na casa de Marcos André. (Foto: Whatsapp)