Preso um dos acusados de matar pai e filho em fazenda de...

Preso um dos acusados de matar pai e filho em fazenda de Amambai

COMPARTILHAR

Antônio Coca

Siguinaldo Gonçalves de 24 anos, acusado de ser um dos envolvidos na morte do produtor rural Olenir Nunes da Silva, o “Nego Silva”, de 50 anos e do filho dele o engenheiro agrônomo Antônio Alexandre Nunes da Silva de 23 anos, foi preso na manhã desta segunda-feira (24). Segundo informações do jornalista Vilson Nascimento do site A Gazeta News, Siguinaldo foi encontrado por policiais que integram a força tarefa criada para elucidar o crime que aconteceu no dia 14 deste mês.

O acusado foi preso na aldeia Taquaperi, em Coronel Sapucaia, onde reside, por homens da Polícia Civil, Polícia Militar lotados na 3ª CIPM (Companhia Independente de Polícia Militar), DOF (Departamento de Operações de Fronteira), o BOPE (Batalhão de Operações Especiais) e o BPChq (Batalhão de Polícia de Choque de MS) e levado para a delegacia da Polícia Civil de Amambai.

O outro indígena que teria participado do crime e que seria irmão de Siguinaldo ainda está sendo procurado. Ele seria um adolescente de 16 anos e teria participado da tentativa de assalto na propriedade rural da família que terminou na morte de pai e filho.

Ainda na manhã desta segunda-feira, o delegado responsável pelo caso deverá dar informações sobre a prisão do acusado e das buscas para apreender o adolescente que ainda está foragido.