Presos tentam se rebelar em presídio de Assunção

Presos tentam se rebelar em presídio de Assunção

COMPARTILHAR
Forças policiais cercam presídios

Antônio Coca

Uma tentativa de rebelião que teria sido liderada por Armando Rotela Ayala foi contida no começo da noite deste domingo por agentes penitenciários da Penitenciária Nacional de Tacumbú em Assunção. Rotela é apontado como o principal responsável pelo enfrentamento entre o grupo dele e membros do Primeiro Comado da Capital ocorrido hoje em San Pedro nas proximidades de Paranhos no Mato Grosso do Sul, onde nove presos foram mortos e pelo menos dez presos ficaram feridos.

Rotela não teria conseguido a ajuda de outros presos e por isso o motim foi rapidamente controlado pelos guardas penitenciários e não há informações de mortos e feridos. Armando Rotela teria ficado revoltado depois que foi informado que seria transferido para o Presídio de Emboscada por questões de segurança devido ao enfrentamento atribuído a família dele neste domingo em San Pedro.

Mas na verdade quem acabou sendo transferido foi o primo dele Óscar Rotela e seus familiares temem agora pela segurança dele já que neste presídio há muitos membros do PCC.

Há pouco o diretor da Penitenciária de Tacumbú Jorge Fernández, garantiu que a situação foi controlada rapidamente, confirmou a transferência de Óscar e não descartou novas transferências durante a semana. Ele disse também ao jornal ABC Color que que a segurança no local foi reforçada e que há superlotação no principal presídio da capital paraguaia.

Famílias buscam informações.