Projeto de senador Nelsinho Trad é aplaudido em inauguração de obras do...

Projeto de senador Nelsinho Trad é aplaudido em inauguração de obras do Aeroporto da Capital

COMPARTILHAR

O projeto de lei do senador Nelsinho Trad, aprovado no Senado Federal, que prevê homenagear o empresário Ueze Elias Zahran com o seu nome no Aeroporto Internacional de Campo Grande, ganhou aplausos na inauguração da primeira etapa de obras concluídas. “Fizemos vistoria e dentro de 60 a 90 dias teremos um novo aeroporto”, disse o senador Nelsinho Trad.

Durante a solenidade, o parlamentar agradeceu ao Governo Federal, ao presidente Jair Bolsonaro e ao ministro da Integração Tarcísio Gomes de Freitas pelo empreendimento de 39,9 milhões. De acordo com a estatal, são oriundos do Fundo Nacional de Aviação Civil (Fnac), para a reforma do terminal de passageiros, que passou a ter capacidade para receber 4,5 milhões de passageiros por ano. Antes, o aeroporto tinha capacidade máxima de 2,5 milhões de passageiros por ano.

O senador Nelsinho Trad destacou que a população sul-mato-grossense merece receber esse novo terminal para o seu conforto e com a homenagem a uma personalidade de MS. “O aeroporto é lugar de tensões, um local que se tem despedidas muitas vezes para sempre. Também de realização de sonhos, de chegadas”, comentou o senador. Em suas redes sociais, o parlamentar recordou que acompanhou no aeroporto o reencontro de uma adolescente que não via a mãe há mais de dez anos. “Há muito tempo, é um desejo antigo ter um aeroporto ampliado”.

Para o senador, representa novo tempo para Mato Grosso do Sul e mencionou o prefeito de Porto Murtinho, Nelson Cintra, relembrando que, em breve, haverá a Rota Bioceânica e haverá a visita de muitos estrangeiros.

Governador

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB), durante sua fala, mencionou sobre o projeto de lei do senador Nelsinho Trad (PSD), que pretende homenagear o Aeroporto Internacional de Campo Grande com o nome do empresário Ueze Elias Zahran e o parabenizou pela iniciativa em perpetuar a vida de um sul-mato-grossense que fez a diferença. “Foi um empreendedor que olhou Mato Grosso do Sul à frente de seu tempo. Perpetuar o nome dele no aeroporto será um orgulho”, defendeu. O projeto de lei, já aprovado pelo Senado Federal, segue para votação na Câmara dos Deputados. “Não tenho dúvida que será aprovado”, disse o governador.
Assessoria/Neiba Ota