Sargento da PM foi preso, responde por morte de ladrão, é desarmado...

Sargento da PM foi preso, responde por morte de ladrão, é desarmado e afastado

COMPARTILHAR

QUE PAÍS É ESSE ?

O sargento da Polícia Militar de Mato Grosso há 19 anos na polícia, Marcos Rocha Teixeira (43), teve a prisão revogada, na quarta-feira (14), após ser preso em flagrante pela morte de um homem não identificado que pulou o muro de sua casa fugindo da polícia no bairro Nova Esperança, em Cuiabá. O policial foi afastado dos serviços operacionais e ainda teve o porte de arma retirado ao passar pela audiência de custódia realizada pelo juiz Marcos Faleiros, da 7ª Vara Criminal.

O caso aconteceu na terça-feira (13), quando Marcos estava na piscina de sua casa com a família e todos foram surpreendidos pelo assaltante pulando o muro. O bandido que estava com uma arma na mão e não obedeceu a ordem do sargento de abaixar a arma, quando por receio ele pegasse um dos filhos como refém, o sargento atirou contra o desconhecido que posteriormente se descobriu que usava uma arma de brinquedo.

O indivíduo fugia da PM que foi acionada para atender uma ocorrência de furto em uma casa vizinha ao sargento. Ele era denunciado por ter assaltado a casa duas vezes no mesmo dia. Na primeira vez ele levou uma televisão de 42 polegadas, e na segunda ele teria chamando um comparsa para levar novos objetos.

Afastado das funções operacionais, o sargento perdeu o porte de arma e trabalhará na área administrativa da PM enquanto responder o processo por homicídio qualificado que tramita na Vara Militar, de acordo com a decisão do magistrado. À reportagem do jornal Gazeta Digital o sargento relatou estar desorientado com toda a situação que passou e que a família se sente bastante assustada. “Ainda nem sei bem o que irei fazer no meu trabalho. Minha mulher e meus filhos estão traumatizados e me sinto impotente com tudo isso”, concluiu.

Fonte: Gazeta Digital