SENAD desmonta plantação e deposito de drogas em Parque Nacional

SENAD desmonta plantação e deposito de drogas em Parque Nacional

COMPARTILHAR

Agentes Especiais da SENAD, Regional de Encarnación, com o procurador Enrique Díaz, fizeram uma incursão em área de floresta dentro do Parque Nacional de San Rafael, especificamente no bairro de Arroyo Claro, onde funcionava um campo de produção e estocagem de drogas.

Durante patrulhamento pela mata protegida, os agentes localizaram acampamento clandestino, onde encontraram 250 quilos de maconha pronta, 25 quilos de sementes da droga, além de prensas rústicas, macacos hidráulicos, guilhotinas e outros equipamentos usados para preparar os tabletes ou fardos de maconha.

Após a coleta de amostras, todos os materiais e droga foram destruídas no local. De acordo com as autoridades, a existência de estruturas criminosas ameaça gravemente o Parque Nacional de San Rafael, já que para a produção de maconha passam a ocupar grandes áreas de florestas protegidas, cometendo um duplo crime: a produção de drogas e os danos ao meio ambiente.