Senador Nelsinho Trad abre painel de discussões sobre rota bioceânica em seminário...

Senador Nelsinho Trad abre painel de discussões sobre rota bioceânica em seminário do Parlasul

COMPARTILHAR

Por proposição do senador Nelsinho Trad (PSD/MS), presidente da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado, o Parlamento do Mercosul vai promover nesta segunda-feira a partir das 9h de MS o seminário internacional sobre a Rota Bioceânica. “É uma oportunidade do mundo conhecer a Rota Bioceânica, que vai trazer mais desenvolvimento para o Brasil e, principalmente, para o nosso Mato Grosso do Sul”, destaca o senador Nelsinho Trad, que vai abrir o painel de debates sobre o corredor bioceânico e é presidente da representação brasileira do Parlasul no Congresso.

De acordo com os organizadores do evento, o Parlamento do Mercosul, tem hoje três espaços econômicos em processo de consolidação no mundo (América do Norte, Europa Unificada e Ásia–Oceânia–Pacífico). Pela consolidação de uma aliança estratégica sul-americana entre o Mercosul e a Aliança do Pacífico não podem ficar de fora do acordo do formato de vinculação global do Bloco Ásia-Oceania-Pacífico, especialmente pela particularidade de ser o projeto da rota bioceânica, ainda em processo de desenvolvimento. “Defendemos o projeto em reuniões do Parlasul e fomos ouvidos”, explicou o senador Nelsinho Trad.

Para o parlamentar sul-mato-grossense, a rota bioceânica é um salto de competitividade para o Brasil, Paraguai, Chile e Argentina. “Trata-se de um corredor rodoviário bioceânico que liga os oceanos Atlântico e Pacífico. O traçado tem início em Porto Murtinho e segue até o porto de Antofagasta, no Chile, passando por Mato Grosso do Sul, norte do Paraguai e Argentina. Esse corredor vai gerar oportunidades: de Antofagasta a Xangai, viagem que dura cerca de 54 dias, levará 42 com a rota. Haverá redução do tempo de viagem e de custos”, esclareceu.

Programação

A abertura do evento será feita pelo chefe do Ministério de Relações Exteriores da República Argentina Guillermo Justo Chávez, dando às boas vindas aos participantes. Depois, a mesa diretora do Parlasul, o presidente, senador da Argentina Oscar Laborde e o vice, deputado do Brasil Celso Russomano, e demais membros vão se manifestar sobre o evento.

Por volta das 10h30 de MS, será dado o início ao painel de expositores. O primeiro a ministrar palestra sobre a Integração da América do Sul com o mundo é o senador Nelsinho Trad; após será a vez do governador de Chaco, na Argentina, Jorge Milton Capitanich. Depois, vão também falar sobre o corredor bioceânico: da delegação argentina Cecília Brito e o coordenador de assuntos econômicos do Brasil, ministro João Carlos Parkinson.

Haverá discussões ainda sobre a questão do transporte e dos setores produtivos até 15h de MS, com envolvimento de todos os países do Mercosul. “Será uma jornada de muito aprendizado”, considera o senador Nelsinho Trad.