Senador Nelsinho Trad acompanha ministro da Justiça em inauguração de obras da...

Senador Nelsinho Trad acompanha ministro da Justiça em inauguração de obras da Segurança Pública

COMPARTILHAR

O senador Nelsinho Trad (PSD), ainda como coordenador da bancada federal de Mato Grosso do Sul, priorizou acompanhar, em Campo Grande, o ministro da Justiça, Anderson Torres, na inauguração do Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública Regional (CIISPR-CO), do Centro Integrado de Comando e Controle Estadual (CICC-R) e da Penitenciária de Regime Fechado.

Em 2 anos e 7 meses, sob a coordenação do senador, os parlamentares do estado encaminharam mais de R$ 80 milhões ao Governo do Estado para investimentos em segurança. “Nunca vi num governo liberar tantos recursos como no Governo Bolsonaro, eu quero aqui deixar esse registro. Em nenhum momento das demandas que a gente apresentou como coordenador da bancada, que essa semana estou passando o rodízio da coordenação para senadora Simone Tebet, nós deixamos de sermos atendidos”, disse o senador Nelsinho Trad.

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) também destacou o papel do presidente Jair Bolsonaro e da bancada federal de MS. “Eu entreguei os pedidos para três presidentes e o Bolsonaro quem nos atendeu”, discursou. De acordo com o ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, as duas solenidades em Campo Grande marcam série de entregas do Governo Federal em conjunto com o Governo do Estado para reforçar o trabalho das forças de segurança em Mato Grosso do Sul e na região Centro-Oeste.

Pela manhã, o ministro – acompanhado do senador Nelsinho Trad e de diversas autoridades – e o governador Reinaldo Azambuja inauguraram o Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública Regional – Centro Oeste (CIISPR-CO), que faz parte de um dos projetos estratégicos do ministério e visa a fortalecer o combate ao crime organizado e à criminalidade violenta.

Segundo a assessoria do ministro, o governo federal investiu R$ 2 milhões na aquisição de equipamentos tecnológicos para a estrutura. O objetivo é promover a integração da atividade de inteligência e dar agilidade ao fluxo de informações entre as agências de inteligência de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás e Distrito Federal, já que o centro será composto por profissionais de inteligência das quatro unidades da federação.
O CIISPR-CO faz parte da Rede de Centros Integrados de Inteligência de Segurança Pública que contempla também o Centro Integrado de Inteligência Nacional (CIISP-N).

Na ocasião, fizeram o descerramento também da placa do Centro Integrado de Comando e Controle Estadual (CICC-R). Com investimento de mais de R$ 1,8 milhões do Governo Federal, o Estado passa a contar com suporte ao policiamento preventivo, combate ao crime organizado e tráfico de drogas, integrando os agentes de segurança pública e defesa social e fortalecendo o monitoramento nas fronteiras.

Do local, será possível comandar operações não só em Campo Grande, mas em todos os municípios do estado, bem como integrar o Mato Grosso do Sul com as operações em nível nacional no Centro Integrado de Comando e Controle Nacional (CICCN), em Brasília (DF). “Excelente avanço na segurança de Mato Grosso do Sul”, enfatizou o senador Nelsinho Trad.

Penitenciária Masculina

Com a presença do ministro, também foi inaugurada a Penitenciária Estadual Masculina de Regime Fechado da Gameleira II, que teve investimento total de R$ 18,5 milhões, recursos federais e estaduais. Com 603 vagas, o presídio tem 110 celas, além de módulos de saúde, educação, trabalho, salas de atendimentos de advogados, biblioteca, setores administrativos, de assistência psicossocial e áreas de visita, entre outros espaços. O presídio foi construído em concreto usinado, que dá mais segurança ao local. A unidade será totalmente gerida pela Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen) de Mato Grosso do Sul.

“Fizemos a visita no complexo e tivemos oportunidade de prestigiar a arte dos presos, que esse empreendimento traga a ressocialização em nosso estado”, comentou o senador Nelsinho Trad. A bancada federal de MS, durante a coordenação do parlamentar, enviou R$ 80 milhões ao governo do Estado para investimentos na área.

Com Assessoria/Neiba Ota