Senador Nelsinho Trad trabalha pela redução de preço no transporte público

Senador Nelsinho Trad trabalha pela redução de preço no transporte público

COMPARTILHAR

O senador Nelsinho Trad (PSD/MS) solicitou a realização de audiência pública na Comissão de Infraestrutura do Senado para debater alternativas de redução no preço da tarifa do transporte público coletivo urbano. “As políticas públicas de transporte e mobilidade urbana não têm se mostrado efetivas para conter o aumento das tarifas de ônibus urbanos. Isso acaba por prejudicar diretamente o cidadão brasileiro que depende do serviço de transporte, repercutindo muito na renda familiar em momentos de crise financeira como o que estamos vivendo”, justificou o senador.

Para o parlamentar sul-mato-grossense, a capacidade de pagamento da população está em queda por dois fatores: perda do poder de compra do salário mínimo e aumento do preço das tarifas acima da inflação.

Diversos estudos têm buscado sinalizar que existem maneiras de baixar o preço das passagens no Brasil, segundo o senador, por meio da implementação de programas de financiamento do custeio do transporte público coletivo urbano, seja pelo estabelecimento de subsídio estatal, pela cobrança de taxas de congestionamento em áreas centrais, utilizando instrumentos de captura de valor, alugando espaços em terminais e estações.

Ou, mesmo pela constituição de um fundo nacional, que tenha regras claras e transparentes, e que possa ser utilizado para custear estudos e projetos para desenvolvimento do sistema, nos aspectos operacionais, de infraestrutura e atualização tecnológica.

O senador Nelsinho Trad destacou ainda que a redução das tarifas seria um projeto social, porque melhoraria a vida das pessoas que dependem do transporte público. “Desde que a conta feche, que as prefeituras e as empresas cedam, existem saídas para se reduzir o valor da passagem. Estamos trabalhando nesse sentido e vamos ver se a gente consegue fechar essa equação”.

Serão convidados para participar da audiência o secretário de Mobilidade e Serviços Urbanos do Ministério do Desenvolvimento Regional, Jean Carlos Pejo, o secretário Especial de Relações Governamentais da Casa Civil da Presidência da República, Giácomo Trento, representante da Frente Nacional de Prefeitos, representante do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), representante da Confederação Nacional dos Usuários de Transportes (CONUT) e representante da Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos (NTU). A população poderá participar enviando dúvidas e sugestões através do portal E-Cidadania www12.senado.leg.br/ecidadania – www12.senado.leg.br/ecidadania). A data da audiência pública será divulgada assim que for agendada pela Comissão de Infraestrutura do Senado.

Greve
Em Campo Grande, o senador Nelsinho Trad acompanhou o caos desta sexta-feira sem o transporte coletivo nas primeiras horas da manhã. Trabalhadores de diversas categorias, inclusive motoristas, aderiram à greve contra os cortes na educação e contra a Reforma da Previdência.

A situação gerou reclamações de usuários em redes sociais e em veículos de comunicação, que destacaram ainda as condições atuais dos ônibus. Em resposta, o senador destacou a luta dele pela redução da tarifa. “Estamos trabalhando nesse sentido e vamos ver se a gente consegue fechar essa equação”, disse.