SIG prende ladrões e aborta plano de assaltos durante a semana em...

SIG prende ladrões e aborta plano de assaltos durante a semana em Dourados

COMPARTILHAR

Antônio Coca

Na tarde de ontem (21) ao transitar pela área central de Dourados o condutor de uma motocicleta Yamaha foi abordado por dois indivíduos, um homem e uma mulher, que de pistola em punho anunciaram o assalto e roubaram o veículo da vítima.

Assim que o roubo foi registrado policiais do SIG assumiram o caso iniciando as investigações que apontaram a casa na Vila Esperança, onde a motocicleta havia sido escondida. Na sequência, por volta das 7h30 desta segunda-feira (22), equipe do SIG foi ao local onde apreendeu a motocicleta.

O veículo estava escondido dentro de um quarto da casa, onde os policiais também apreenderam uma pistola calibre 7,65. Na casa estava um indivíduo de 19 anos, conhecido como “Facção”, e um adolescente de 17 anos, ambos já presos pelo SIG por conta de outros crimes. Um capuz (balaclava) foi identificado na cintura de um dos indivíduos, tendo então confessado que se preparavam para roubar uma joalheria localizada na área central da cidade.

A dupla também relatou que ainda nesta semana roubariam uma casa localizada em condomínio fechado, pois o proprietário possuiria dinheiro e joias guardadas em um cofre. A proprietária do imóvel onde se encontrava escondida a motocicleta foi presa pela prática de receptação, pois ocultou bem produto de crime, no caso a motocicleta.

O SIG realiza diligências para identificar os demais integrantes da associação criminosa armada, uma vez que para praticar esses crimes eles necessitariam do apoio de outros comparsas.

O maior foi autuado pela prática de roubo qualificado pelo emprego de arma de fogo e concurso de agentes, associação criminosa armada e integrada por menor e corrupção de menor, sendo representado pela decretação de sua Prisão Preventiva.

O menor foi apreendido pela prática de ato infracional análogo à roubo qualificado pelo emprego de arma de fogo e concurso de agentes e associação criminosa armada, sendo representado pela decretação de sua Internação Provisória.