Um ladrão morre e outro fica ferido em confronto com a PM...

Um ladrão morre e outro fica ferido em confronto com a PM após golpe do frete

COMPARTILHAR
Ladrões deixaram caminhão bastante danificado

Ninguém ainda reclamou no Instituto de Medicina e Odontologia Legal- IMOL, o corpo do assaltante Sandro Silva, de 34 anos, morto em confronto com a Polícia Militar na madrugada desta quarta-feira (16), em Campo Grande, quando roubava um caminhão juntamente com o comparsa Mauro Lopes da Silva (51), baleado no ombro direito e sem risco de morte.

A dupla juntamente com mais dois ou três ladrões assaltou um caminhoneiro paranaense após uma investida com o golpe do falso frete para transportar cesta básica. A proposta foi aceita e o suposto carregamento ocorreria na manhã de hoje, mas os bandidos atacaram a vítima no começo da noite na saída para Cuiabá.

O home foi mantido como refém, o caminhão chegou a ser abandonado pelos ladrões que voltaram ao ponto onde estava com pneu furado e pegaram o veículo. A vítima já havia conseguido se libertar e procurar ajuda, quando a Polícia Militar já nessa madrugada, foi avisada sobre a movimentação do caminhão.

Policiais da Unidade Vila Margarida foram acionados e avistaram o caminhão na região ainda da saída para Cuiabá e acionaram apoio da 11ª Força Tática, tendo início perseguição e troca de tiros com os assaltantes. Já na esquina das Ruas Vale da Vida e Vicenzo, a equipe do Tático tentou parar o caminhão, mas o condutor lançou o caminhão sobre a viatura tentando atingir os policiais.

Em marcha a ré, o bandido atingiu outra viatura e seguiu em fuga por mais cerca de 100 metros quando o caminhão parou em meio a mais tiros de ambos os lados e Mauro foi atingido em um dos ombros. Sandro por sua vez, fugiu para um terreno de onde continuou atirando nos policiais que revidaram e ele foi atingido com dois tiros.
Enquanto o primeiro ladrão era socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado para a Santa Casa, a PM socorria o segundo com o mesmo destino, mas ele morreu ao dar entrada no hospital. O caminhão sofreu danos por conta do tiroteio, inclusive no para brisa, pois o assaltante atirava de dentro da cabine em direção aos policiais.