Acusado de matar comissário da Polícia Nacional em Capitão Bado

Acusado de matar comissário da Polícia Nacional em Capitão Bado

COMPARTILHAR

Equipe da Regional 1 da Delegacia de Investigação Criminal Capitão Bado – Karapa’i, Paraguai, na fronteira com o Brasil, prenderam homem de 21 anos com mandado de prisão. Foragido desde novembro, Lucimar Segovia Núñez, 21 anos, morador do bairro Piray, foi capturado nesta sexta-feira (11).

Lucimar é apontado como autor de supostos crimes de extorsão e outros casos. De acordo com o comissário César Casco, o detido seria um dos integrantes do grupo de supostos criminosos que mataram o então chefe do Departamento Anti-Seqüestro, Comissário Rufino Acosta.