Dupla executa mecânico de motos no Paraguai e em seguida é presa

Dupla executa mecânico de motos no Paraguai e em seguida é presa

COMPARTILHAR

Dois pistoleiros foram presos na tarde desta sexta-feira (6), pela Polícia Nacional do Paraguai, minutos após terem executado a tiros o mecânico de motos Alexis Fernández, conhecido como “Ale Paredes”. O crime aconteceu atrás do Cassino Amambay, centro de Pedro Juan Caballero.

Os pistoleiros estavam em uma motocicleta e ao se aproximarem da vítima, o passageiro disparou vários tiros com uma pistola 9 milímetros e em seguida fugiram. O socorro chegou a ser acionado, mas Ale morreu em seguida.

Minutos após o crime uma equipe da 6ª Comissaria localizou os pistoleiros que tentaram continuar a fuga, mas foram cercados e presos. De acordo com o Comissário Isabelino Orue, chefe da Comissaria 6, os pistoleiros presos estão identificados como Luis Miguel Cabrera Benitez, (26) e Pablo Alberto Vazquez Jara, de 29 anos.

O Médico Legal, equivalente ao legista no Brasil, Dr. César González, constatou oito perfurações no crânio, pescoço, ombro e barrigada da vítima. A arma do crime, uma pistola Glock 9 milímetros, foi apreendida juntamente com a motocicleta usada pelos pistoleiros. A motivação do crime ainda é desconhecida.

Dupla foi presa com a arma do crime ainda quente.