Em Dourados filho mata o pai e queima o corpo “para ele...

Em Dourados filho mata o pai e queima o corpo “para ele deixar de sofrer”

COMPARTILHAR
Perícia analisa o que sobrou do corpo.

A Polícia Civil de Dourados atende um caso de crime bárbaro em que filho está preso por ter matado e incendiado o corpo do próprio pai. No local do crime, o filho disse para a polícia que “só queria acabar com o sofrimento do pai”.

O crime aconteceu na rua Ponta Porã, esquina com a Epifânio Rodrigues, no bairro Canaã I. Valdeci Vitorino do Nascimento, 50 anos, está preso e confessa ter matado o próprio pai sob a alegação de que o mesmo estava sofrendo muito porque era cadeirante. “Eu queria acabar com o sofrimento do meu pai”, disse Valdecir aos policiais alegando que a vítima, Josué Vitorino do Nascimento, de 72 anos, enfrentava dificuldade para se locomover e se alimentar.

De acordo com o apurado pelo Ligado na Notícia, o homem foi morto no domingo (13), e ontem (14), usando móveis, o filho incendiou o corpo. A Perícia constatou que Josué teve 95% do corpo queimado, sendo encontrado no local, pedaços de ossos e o crânio do idoso.