Após meia hora de diálogo duas cabos da PM evitam suicídio em...

Após meia hora de diálogo duas cabos da PM evitam suicídio em Aquidauana

COMPARTILHAR

Na quinta-feira (28), duas policiais militares femininas lotadas no 7º Batalhão de Polícia Militar em Aquidauana, tiveram um dia de serviço muitíssimo gratificante. Tudo por conta da precisa atuação da dupla em evitar o suicídio de um homem que tentava se atirar nas águas do Rio Aquidauana.

O fato ocorreu na Ponte Antônio Trindade, mais conhecida como “Ponte Nova”, por volta das 18h30min, quando a Cabo PM Rosemeire e a Cabo PM Rozângela, retornavam de um evento promovido pela Polícia Militar e viram um homem de 28 anos ameaçando jogar-se da ponte que liga Aquidauana ao município de Anastácio.

Cônscias do dever e do juramento feito ao ingressarem na Instituição, que é o de promover a paz e salvaguardar a vida e a incolumidade das pessoas, as valorosas profissionais imediatamente pararam no local e iniciaram uma conversa com o homem que, sentado na beirada da estrutura externa da ponte, apresentava visíveis sinais de que intentaria contra a própria vida.

Após meia hora de atendimento, junto a outras pessoas que se aproximaram, as policiais militares conseguiram acalmá-lo e desmotivá-lo de sua triste ação. Passado o perigo maior, ambas fizeram contato com o Corpo de Bombeiros para o encaminhamento a uma Unidade de Saúde.

A ação das policiais definida como brilhante ocorreu justamente no mês que comemoramos o “Dia Internacional da Mulher”. A presente ação reflete a importância desse grupo de guerreiras espalhadas em todo Brasil que, de forma incansável, cumprem suas missões com uma visão “mais humana” das circunstâncias sociais que nos envolvem.

Frente ao exposto, nos resta dizer: “Muito Obrigado Cabo PM Rosemeire e Cabo PM Rozângela. Vocês bem representaram as Policiais Militares Femininas de Mato Grosso do Sul!”