Cadáver de mulher “some” da cova em Dois Irmãos do Buriti

Cadáver de mulher “some” da cova em Dois Irmãos do Buriti

COMPARTILHAR
Na sepultura, apenas o caixão (Foto: Karlão/BuritiNews)

A Polícia Civil de Dois Irmãos do Buriti, investiga um intrigante caso de desaparecimento ou furto de cadáver ocorrido no cemitério da cidade entre domingo e essa segunda-feirando (12). Menos de 24 horas após ter sido sepultado, o cadáver de Rosilei Potronieli, de 37 anos, assassinada em Terenos, desapareceu da sepultura.

Rosilei, vítima de feminicídio foi morta a facadas, crime cometido por um homem durante discussão em bar na madrugada de domingo. A violação do túmulo e subtração do cadáver foi descoberta quando o coveiro do cemitério chegou para trabalhar e constatou que o tumulo havia sido violado e acionou a polícia.

A delegada da Polícia Civil na cidade, Nelly Gomes dos Santos Macedo, atendeu o caso ne em seguida acionou peritos do Instituto de Criminalística. Os peritos efetuaram a retirada do caixão e durante vistoria constataram que o corpo de Rosilei não estava no caixão, havia sido levado.

A delegada iniciou a apuração do caso tentando esclarecer quer violou a sepultura para “furtar” o corpo, estando contatando familiares e amigos da vítima. A polícia de Terenos, que atendeu o caso colabora na investigação, mas a delegada também pede a colaboração da população, para que tendo alguma informação sobre o caso, comunique a polícia através dos telefones (67)3243-1230 e (67)99994-3166; sendo o sigilo garantido.