Motorista de aplicativo é dada como desaparecida em Campo Grande

Motorista de aplicativo é dada como desaparecida em Campo Grande

COMPARTILHAR

A motorista de aplicativo Emília Martins Gomes, de 54 anos, é dada como desaparecida desde a noite deste domingo (14) quando a família procurou a polícia relatando a situação. De acordo com o registro policial do caso, a filha da motorista conta que a mãe trabalha com o aplicativo Uber utilizando o veículo HB20 branca Placas OOS5931, e saiu para trabalhar as 11h40 e a partir de um contato em seguida, não deu mais notícia.

Ainda conforme a filha, Emília não costuma trabalhar a noite, e seu telefone celular apenas chama e ninguém atende, além de mensagens de WhatsApp apenas chegam e não são respondidas. O caso foi registrado na Depac-Centro e comunicado à investigadora Maria Campos.